CESPRO | Digitalização, Compilação e Consolidação da Legislação Municipal
07:09 - Sábado, 20 de Julho de 2019
Portal de Legislação do Município de Carlos Gomes / RS

ANTERIOR  |
PRÓXIMO   |
Arq. ORIGINAL   |  
VOLTAR  |
IMPRIMIR   |
Mostrar o art.
[A+]
[A-]
FERRAMENTAS:

Link:
SEGUIR Município
COMUNICAR Erro
Busca por palavra: 1/3



Compartilhar por:
Retirar Tachado:
CORRELAÇÕES E NORMAS MODIFICADORAS:

Leis Municipais
LEI MUNICIPAL Nº 1.010, DE 20/10/2009
DISPÕE SOBRE O REGIME JURÍDICO DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

LEI MUNICIPAL Nº 1.186, DE 05/03/2013
AUTORIZA CONTRATAÇÃO EMERGENCIAL DE FARMACÊUTICO.

(vigência esgotada)

VALDOMIRO ANTONIO PRILLA, Prefeito Municipal de Carlos Gomes, Estado do Rio Grande do Sul, no uso de suas atribuições legais, faço saber que a Câmara Municipal de Vereadores aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte Lei:

Art. 1º Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a contratar emergencialmente pelo prazo de 06 (seis) meses, prorrogável por mais 06 (seis) meses, um farmacêutico:

Cargo
Quant.
Carga Horária Semanal
Remuneração Mensal
Farmacêutico
01
20 horas
R$ 1.200,00


   Parágrafo único. As atribuições e especificações do cargo são as constantes do anexo único da presente Lei.
O período de contratação é pelo prazo de 6 meses passivo de renovação por mais 6 meses;
A remuneração prevista será reajustada de conformidade do aumento geral dado aos servidores gerais;
As atribuições do cargo, bem como suas especificações são as constantes da Lei Municipal específica.
O contrato será de natureza administrativa ficando assegurado ao contratado os direitos previstos no art. 222 da Lei Municipal nº 1.010/2009.
O contrato será automaticamente rescindido independentemente do prazo de vigência se houverem concursados habilitados para assumirem cargo com provimento efetivo, com idênticas atribuições.
Art. 3º A contratação será precedida de seleção simplificada, obedecidos aos seguintes critérios:
   1 - Será lançado Edital de Seleção simplificada, com divulgação por 3 dias consecutivos na Rádio e uma vez em Jornal de circulação regional.
   2 - O período de inscrições será de 3 dias da última publicação.
   3 - Da homologação das inscrições ou de qualquer outra decisão de resultado de classificação, o prazo de recurso não será superior a 3 dias, excluídos o primeiro considerando-se publicado, a decisão com a afixação no mural da Prefeitura.
   4 - O processo de seleção será feita por comissão especialmente indicada.
   5 - Os critérios, datas, condições de recursos forma de seleção serão especificadas no Edital.

Art. 4º As despesas decorrentes da presente Lei, correrão por conta da dotação orçamentária própria.

Art. 5º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação, revogam-se as disposições em contrário.
Gabinete do Prefeito Municipal de Carlos Gomes.
Aos 05 dias do mês de março de 2013.

Valdomiro Antonio Prilla
Prefeito Municipal

Ricardo Antonio Mocfa
Secretário Munic. de Administração

Publicado no portal CESPRO em 05/06/2017.
Nota: Este texto não substitui o original.








© 2019 CESPRO, Todos os direitos reservados ®