15:15 - Domingo, 24 de Junho de 2018
Portal de Legislação do Município de Glorinha / RS

VOLTAR  |
IMPRIMIR   |
Mostrar o art.
[A+]
[A-]
FERRAMENTAS:

Link:
SEGUIR Município
Busca por palavra: 1/3
Compartilhar por:
CORRELAÇÕES E NORMAS MODIFICADORAS:

Nenhum Diploma Legal relacionado com este foi encontrado no sistema.

LEI ESTADUAL Nº 8.590, DE 04/05/1988
Cria o Município de GLORINHA.
(publicada no DOE nº 82, de 4 de maio de 1988)

PEDRO SIMON, Governador do Estado do Rio Grande do Sul.
Faço saber, em cumprimento ao disposto no artigo 66, item IV, da Constituição do Estado, que a Assembleia Legislativa decretou e eu sanciono e promulgo a Lei seguinte:

Art. 1º É criado o Município de Glorinha, constituído por área do Distrito de Glorinha, pertencente ao Município de Gravataí.

Art. 2º O território do novo município fica com os seguintes limites:
A LESTE: Com Santo Antônio da Patrulha; partindo da nascente do Arroio Miraguaia, segue por este, águas abaixo, até o Rio Gravataí.
AO SUL: Com Viamão; pelo Rio Gravataí, até a foz do Arroio Taquara.
A OESTE: Com Gravataí; pelo Arroio Taquara, águas acima, e pelo seu afluente Arroio do Pinto, até a estrada do Barro Vermelho-Vila Nova; deste ponto, pelo limite Glorinha-Morungava, ou seja, em linha seca e reta, até o cume do Morro do Tigre, no marco do Serviço Geográfico do Exército, quota 243; continua, em linha seca e reta, até a ponte da estrada Contendas-Santa Cruz do Pinhal, no Arroio Contendas; continua por esta estrada, em direção geral norte, até a Estrada do Cancelão.
AO NORTE: Estrada do Cancelão até a Estrada da Areia; por esta até a estrada do Arroio Grande, e por esta até a linha divisória de águas; continua pelo divisor de águas até o ponto mais próximo da nascente do Arroio Grande da Guarda; continua pelo limite Santo Antônio da Patrulha-Gravataí, em linha reta daquela nascente, até a nascente do Arroio Miraguaia.
Art. 3º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.

Art. 4º Revogam-se as disposições em contrário.
PALÁCIO PIRATINI, em Porto Alegre, 4 de maio de 1988.


Nota: (Este texto não substitui o original)








© 2018 CESPRO, Todos os direitos reservados ®